O Sacerdócio

Abril 09, 2020
Fonte: District of Spain and Portugal

Hoje é Quinta-feira Santa. Quantos mistérios são comemorados neste dia! É por isso que convêm pensarmos num dos grandes presentes que Nosso Senhor deixou para Sua Santa Igreja.

Nesta quinta-feira à tarde, Jesus reuniu-se no Cenáculo para comer "o Cordeiro Pascal", seguindo o rito dos judeus. E depois do jantar, instituiu o sacramento da Eucaristia, transformando, pela primeira vez, pão no Corpo de Nosso Senhor e o vinho no seu precioso Sangue.

A Igreja e toda a Tradição dizem-nos que, depois de realizar a "transubstanciação", Nosso Senhor disse a seus apóstolos "façam isto em memória de mim" e, nesse momento, ordenou aos seus apóstolos sacerdotes, instituindo também o sacramento da "Santa Ordem" .

Este sacramento é muito importante para a vida da Igreja e para a vida de todos os cristãos.

Porquê? Porque a principal tarefa dos sacerdotes é celebrar o Santo Sacrifício da Missa, onde o sacramento da Eucaristia é consagrado. E da Missa e da Eucaristia, recebemos todas as graças que Nosso Senhor distribui a todos os cristãos e que passam pelos outros sacramentos. Sem sacerdotes, não há Eucaristia, e sem a Eucaristia não pode haver vida sobrenatural nas almas.

Que poder tão grande têm os sacerdotes! Ser capaz de celebrar a Santa Missa e consagrar o Corpo e o Sangue de Jesus! Não há maior dignidade do que a do sacerdote. Reis e príncipes não têm este poder. Os anjos do céu também não. Somente aqueles que foram escolhidos por Deus e receberam este sacramento, podem celebra na missa "em pessoa do mesmo Cristo, Nosso Senhor", isto é, que o próprio Jesus usa os sacerdotes como instrumentos ao administrar os sacramentos e, portanto, diz-se que o sacerdote é "Outro Cristo", porque o próprio Cristo age através dele.

Além disso, o sacerdote acompanha-nos por toda a vida, como o pastor que cuida de suas ovelhas. Quando nascemos, um sacerdote nos "batiza" para nos dar a vida de graça. Quando crescemos, um sacerdote, com um poder maior do que o dos simples sacerdotes, como o bispo, dá-nos a “confirmação”. Ao longo de nossas vidas, os sacerdotes ensinam--nos a fé, perdoam os pecados em "confissão" e nutrem nossas almas através da "comunhão". Quando dois cristãos se unem no casamento, há um sacerdote presente para confirmar essa união. E, no final de nossas vidas, o sacerdote administra o sacramento da “extrema unção”, para que possamos chegar ao céu da melhor maneira.

Por todas essas coisas, vemos como é importante que todos os cristãos orem para que haja muitos e santos sacerdotes. Peçamos a Deus, especialmente hoje, que é o dia da instituição do sacerdócio, pelos sacerdotes, para que eles se tornem santos, pois todos nós tiraremos proveito de sua santificação.

Senhor dá-nos muitos e santos sacerdotes!

São Pio X, rogai por nós.